COMISSÃO DE ORIENTAÇÃO EM
PSICOLOGIA E RELAÇÕES COM A JUSTIÇA
APRESENTAÇÃO

A Comissão de Orientação em Psicologia e Relações com a Justiça possui um histórico de atuação no âmbito do CRP-MG, buscando articular as temáticas que dizem respeito à interface entre a Psicologia e o Direito, oferecendo um espaço de discussão e construção nas instituições que promovem este encontro. A Comissão abarca um campo de pesquisa e intervenção que se inscreve para além dos problemas burocráticos ou processuais, incluindo o sofrimento psíquico que encontra nos trâmites da justiça um modo de se apresentar. Desta forma, trata-se de uma prática que vem ampliando as ações realizadas pela Psicologia, não se restringindo ao fornecimento de laudos e pareceres e inscrevendo a possibilidade de trabalhar as questões humanas no âmbito jurídico. A Comissão busca problematizar o lugar da Psicologia nos casos que batem à porta da justiça, pensando nas possibilidades dessas(es) profissionais para a abordagem das questões subjetivas, saindo de um lugar meramente técnico ou de perito para o exercício da ética profissional e emancipação dos sujeitos atendidos no âmbito da justiça.

psicologia e relações com a justiça

OBJETIVOS

  • Discutir o lugar da Psicologia na interface com o Direito;
  • Construir estratégias de trabalho que se orientem pelo fazer ético da Psicologia;
  • Compreender as demandas no âmbito da justiça endereçadas à Psicologia.

COORDENAÇÃO DA COMISSÃO

Daniela Torres Gonçalves Santos Pedruzzi

LOCAL DE FUNCIONAMENTO

– CRP PELO INTERIOR –