Luta por uma sociedade mais igualitária foi tema de conferência

O primeiro dia do IX Seminário Nacional de Psicologia e Políticas Públicas Etapa Sudeste se encerrou com a conferência magna  “Que projeto de sociedade defendemos: a Psicologia nas Políticas Públicas”.  O conferencista foi o psicólogo Fernando Lacerda, doutor e professor da Universidade Federal de Goiás. A psicóloga Beatriz Borges Brabrilla, doutoranda em Psicologia Social e conselheira do Conselho Regional de Psicologia São Paulo (CFP-SP), conduziu o debate.

Fernando Lacerda trouxe reflexões para as(os) psicólogas(os) fazendo uma análise de diferenciação de projeto de sociedade e projeto de profissão, no qual ele se baseia no ideal marxista. “Precisamos nos posicionar nas lutas de classe. Isso significa que devemos organizar e lutar com a classe trabalhadora e com os outros setores oprimidos da nossa sociedade”, disse.